sobre viajar-voar ao subterrâneo que é (está) em cima em mim, amarrada pela rotina que me prende ao mundo real-superfície.